2 de nov de 2011

Globo Repórter Universidade cria 'macarrão de banana' para comer sem culpa

Edição do dia 28/10/2011 Por Globo Repórter

Universidade cria 'macarrão de banana' para comer sem culpa

A casca da fruta vai junto para virar aquela macarronada. Foram quatro meses de estudos e testes até chegar à fórmula ideal.

Tatiana Nascimento Rio de Janeiro


Por que não incrementar a qualidade de alimentos que sabidamente engordam e são pobrinhos em nutrientes? Já pensou poder comê-los sem culpa?

Na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), um grupo de nutricionistas se preocupou em preparar um macarrão saudável feito da banana verde. A novidade é que elas não aproveitam apenas a polpa da fruta.

A casca vai junto para virar aquela macarronada. Foram quatro meses de estudos e testes até chegar à fórmula ideal.
“A banana verde tem um amido que a gente chama de amido resistente, que não é absorvido no organismo. Ele não se transforma em açúcar. Ele vai para o intestino grosso e vai ser fermentado, até auxiliando a nossa flora intestinal normal. Funciona como fibra solúvel”, explica a nutricionista Suzana Freitas, da UERJ.

Vamos então à transformação da banana verde em macarrão. As nutricionistas cortam a fruta, separando a casca e a polpa.
“As rodelas são finas para facilitar o processo de desidratação das bananas. A casca a gente corta em quadrados pequenos para facilitar também a desidratação e ficar uma farinha seca”, mostra a nutricionista Vanessa Castelo Branco, da UERJ.

Depois de cortadas, estufa: 20 horas à temperatura de 60ºC. Já secas, é hora de moer. No preparo da massa, as nutricionistas usam 50% da farinha da banana verde e a outra metade de farinha de trigo para dar liga. E mais: ovos, azeite de oliva e sal.

Depois, elas deixam a massa descansar um pouco, cortam no formato que preferir e levam novamente para a estufa. Duas horas entre 70ºC e 120ºC. Agora, é só cozinhar.

Tanto a farinha quanto o macarrão foram analisados em laboratório para atestar a qualidade do alimento.

“É um macarrão que tem menos açúcares do que o tradicional, e tem mais nutrientes, como vitaminas, minerais como o potássio, e também triptofano, que é um aminoácido que estimula até a produção de serotonina, que é o hormônio do bem, do bem estar”, conta Suzana.

É um macarrão com baixa concentração de açúcar, mais nutritivo.
“Nós fizemos seis testes com mais ou menos 40, 60 pessoas, e dentro de uma escala de um a nove, a maioria atribuiu nota acima de sete para o nosso macarrão”, acrescenta a nutricionista Lília Zago, da UERJ.

O Globo Repórter experimentou o macarrão. Demos nota 10.
Salve a banana!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares da Semana

AVISO IMPORTANTE!!! Muitas fotos são retiradas da Internet, se você detém algum direito autoral sobre alguma foto ou material postado aqui, entre em contato comigo,
eu o removerei ou colocarei os devidos créditos. Obrigada!!!!